Governador de MT assume presidência do Consórcio Brasil Central

Além de Mato Grosso, fazem parte do BrC os estados do Maranhão, Goiás, Mato Grosso do Sul, Rondônia, Tocantins e Distrito Federal.

O governador de Mato Grosso, Mauro Mendes, tomou posse nessa terça-feira (11) como presidente do Consórcio Brasil Central (BrC), em Brasília. Durante a cerimônia, Mendes destacou a relevância do papel desempenhado pela autarquia para execução de projetos conjuntos para as sete unidades da federação consorciadas.

Durante a cerimônia, o governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, que deixa a presidência do BrC, desejou sucesso ao novo presidente e agradeceu pelo empenho de toda equipe para o avanço de projetos imprescindíveis para os Estados.

De acordo com o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, os trabalhos do consórcio tiveram um grande avanço e a expectativa é de que novos projetos se concretizem com Mauro Mendes à frente do BrC.

A posse contou com a presença dos secretários de Estado Mauro Carvalho (Casa Civil), Rogério Gallo (Fazenda) e Alexandre Bustamante (Segurança Pública); do vice-governador do Maranhão, Carlos Brandão; e do embaixador da Espanha, Fernando García Casas.

O Consórcio

Criado em 2015, o Consórcio Brasil Central é a primeira autarquia criada nesse formato, que é responsável por unir esforços com o objetivo de promover o ganho de competitividade por meio da cooperação técnica efetiva para a formulação de políticas regionais, projetos, parcerias, captação de recursos e soluções de problemas de forma conjunta.

Além de Mato Grosso, fazem parte do BrC os estados do Maranhão, Goiás, Mato Grosso do Sul, Rondônia, Tocantins e Distrito Federal.

Siga-nos no Twitter

Este é o Painel DN

O Painel DN é um veículo jornalístico conservador, com a missão de levar ao leitor notícias diárias, análises e comentários sobre os fatos mais relevantes relacionados a assuntos políticos, econômicos, internacionais, sociais e culturais. O jornalismo do Painel DN entende que a transmissão e relato fidedigno dos fatos constituí a missão mais importante da atividade jornalística, já que a opinião pública em qualquer democracia se forma justamente através das notícias.

Newsletter Gratuita

Não perca nenhuma notícia.

Inscreva-se em nossa newsletter gratuita e receba em primeira mão as notícias mais importantes.

Veja nossas  Políticas de Privacidade

Matérias Relacionadas